A Prefeitura de Franca, por meio da Secretaria de Educação, anunciou a contratação de 135 educadores de apoio pedagógico e 8 professores interlocutores de Libras para o atendimento aos alunos com deficiência e transtornos globais do desenvolvimento, matriculados nas escolas da Rede Municipal de Ensino.

Neste sentido, está em andamento o Chamamento Público 011/2021, visando o recebimento e a seleção do plano de trabalho de organizações da sociedade civil, para a assinatura do termo de colaboração com o município para a gestão do atendimento dos serviços. Ao todo, serão investidos cerca de R$ 3,5 milhões. As propostas poderão ser entregues até o dia 27 de dezembro, no horário das 8 às 16h,  na Seção de Políticas Públicas em Educação Especial da Secretaria de Educação, em envelopes lacrados, na avenida Francisco de Paula Quintanilha Ribeiro, 550, Parque Francal.

Os novos profissionais estarão atuando em todas as escolas municipais, com carga horária de 44 horas e 22 horas, visando atender a demanda de 310 alunos, público estimado de atendimento da modalidade Educação Especial, no ano letivo de 2.022.

De acordo com a Secretaria de Educação, para receber o apoio destes profissionais, o aluno é avaliado, por meio de um protocolo aplicado pela equipe gestora e professores da Educação Especial, para conhecer o  nível de autonomia e processo de aprendizagem do estudante.

Márcia Gatti, secretária de Educação, explicou que, por meio do trabalho destes profissionais, a Prefeitura garante não somente a matrícula, mas também a permanência do aluno e a aquisição do conhecimento, uma vez que eles oferecem o suporte necessário para que o estudante desenvolva as suas atividades da sala de aula e efetive a sua aprendizagem.

Fonte: Prefeitura Municipal de Franca